SAE: uma nova era para a enfermagem

Equipe responsável pela implantação da SAE.

Nos dois últimos anos, a gerência de enfermagem do Hospital Mãe de Deus vem trabalhando para padronizar todos os processos que envolvem a assistência de Enfermagem da instituição. “A parte inicial do processo era feita de maneira manual. Então nós, juntamente com a área de Tecnologia e Soluções da AESC, construímos o Histórico e Exame Fisco Eletrônicos para a Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE). Com ela iremos padronizar todos os processos de cuidado dentro da instituição, de maneira digital, para que eles sejam uniformes em todas as áreas”, explica o gerente de Enfermagem, Clayton Moraes.

A SAE é dividida em cinco importantes etapas da jornada do paciente: 1) Coleta de dados (formada pelo histórico e pelo exame físico). 2) Diagnóstico de Enfermagem. 3) Planejamento do cuidado. 4) Implementação do cuidado. 5) Avaliação do cuidado prestado. “A etapa recentemente digitalizada trata-se de um novo histórico de enfermagem, voltado para todo o paciente que interna na instituição e será avaliado através de perguntas específicas a respeito do seu histórico de saúde física, mental e social, juntamente com o registro de todos os exames físicos realizados pelo enfermeiro”, destaca Clayton.

O principal diferencial da SAE, segundo Clayton, é que ela é totalmente integrada ao MV e por isso pode disparar alertas. “Por exemplo, se eu pesquisar no histórico do paciente disfagia, ele já vai enviar imediatamente um alerta para as equipes de Nutrição e de Fonoaudiologia para que elas acompanhem este paciente. Com isso, ganhamos em agilidade e também em controle, pois todos os registros terão dashboards específicos”, avalia.

Começando com os cuidados com a pele

A primeira etapa deste lançamento são os Diagnósticos de Enfermagem, iniciando pelos cuidados com a pele. “Trabalhar com o Diagnóstico de Enfermagem vai agregar muito valor para nós, porque é algo que vai complementar protocolos já estabelecidos, como no caso do cuidado com a pele e Escala de Braden. O paciente que pontuar como médio e alto risco na Escala terá um Diagnóstico de Enfermagem aberto e uma prescrição de cuidados específica que será avaliada diariamente, permitindo que possamos acompanhar a evolução do cuidado que está sendo prestado para o paciente para que ele não venha a desenvolver uma lesão ou para aquele paciente que já tenha lesão, o quanto estamos sendo efetivos no cuidado para que ele volte a sua condição normal, sem lesão”, finaliza. Durante os próximos meses as equipes serão treinadas em todas as etapas do sistema.

Emergência

24 HORAS

Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
TRAUMATOLOGIA
Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
*Unidade Av. José de Alencar, 286.

PARA VOCÊ

CENTRAL DE ATENDIMENTO

TELEMEDICINA, AGENDAMENTOS, CONSULTAS E EXAMES​

Sala de imprensa

Fabíola Bach – Assessoria de Imprensa
Celular: (51) 99952-1462
fabiolaback29@gmail.com

TODAS AS NOTÍCIAS:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Mais notícias

Ciclone Extratropical: Área de acesso ao Espaço Azul é transferida

Com a aproximação do ciclone extratropical que está previsto para atingir o Rio Grande do Sul a partir de hoje (17/05), o Hospital Mãe de Deus está se preparando para o enfretamento dos possíveis impactos do evento.
Para isso, a entrada do Espaço Azul – área exclusiva para pacientes com sintomas gripais será transferida para o Acesso 2 do Hospital, junto à Emergência.

Alta prevalência e sintomas silenciosos são alertas para a hipertensão

Uma doença silenciosa, presente em 25% da população adulta,. Essa é a hipertensão. Por sua alta prevalência e possíveis consequências graves, o diagnóstico precoce, o tratamento adequado e a prevenção são essenciais. Para marcar o Dia Mundial da Hipertensão (17/05). preparamos uma material especial com as principais informações sobre esse tema. 

Conheça o papel do assistente social dentro de um hospital

Você sabe qual o papel do assistente social dentro de um hospital? Eles são responsáveis por buscar defender os direitos dos pacientes, através de um processo de acolhimento, escuta sensível, construção e fortalecimento de vínculos. Conheça mais sobre a atuação e importância deles dentro desses espaços.

HMD é pioneiro no uso de técnica para desobstrução de artérias com laser no Estado

A obstrução de artérias é um problema cada vez mais frequente entre a população, podendo trazer graves consequências, como o infarto e o acidente vascular cerebral. Para atender esses casos, o Hospital Mãe de Deus conta agora com uma nova tecnologia: o laser. O HMD é a primeira instituição do Rio Grande do Sul a utilizar essa técnica e o pioneiro no Brasil na realização do procedimento guiado via Tomografia de Coerência Ótica (OCT).