Dezembro Laranja chama atenção para o câncer de pele

O câncer de pele é o primeiro em termos de incidência e frequência na população, sendo responsável por cerca de 30% dos tumores malignos registrados no Brasil de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA). Por isso, a conscientização sobre o tema é tão importante e iniciativas como o Dezembro Laranja foram criadas para incentivar a disseminação de informações e o esclarecimento de dúvidas sobre a doença.

Estratégias de prevenção à saúde e promoção de bem-estar estão entre os princípios do HMD. Por isso, a instituição de saúde realiza, neste sábado (11), das 8h às 12h, a Blitz da Prevenção. A ação é uma parceria com Panvel Farmácias e Novartis.

Em uma tenda montada próximo a quadra 20 do trecho 3 da Orla do Guaíba, especialistas do Corpo Clínico do Mãe de Deus estarão à disposição da população que passar pelo local para tirar dúvidas sobre câncer de mama, de próstata e de pele. Também no espaço, serão oferecidas sessões gratuitas de quick massage.

Fatores de risco e principais sinais

Os tipos mais comuns de câncer de pele são os carcinomas. O melanoma é o menos frequente e o mais agressivo. Pessoas com pele e olhos claros, com histórico familiar da doença e exposição prolongada ao sol, principalmente na infância e na adolescência, apresentam maior risco de desenvolvê-lo.

No entanto, mesmo para quem não está incluído nesses grupos, o rastreamento regular é indicado e importante. Faça uma avaliação dermatológica anual ou mais frequente conforme orientado por seu dermatologista e não esqueça de realizar o autoexame. Olhe para o seu corpo com frequência, inclusive para área cobertas, como entre os dedos e na sola do pé, dorso, glúteos e virilha.

Preste atenção aos seguintes sinais e busque atendimento imediato em caso de identificação:

– Feridas que não cicatrizam, que duram, no mínimo um mês.

– Verrugas que estão crescendo e doendo.

– Pintas com as seguintes características: assimetria, bordas irregulares, cor variável, diâmetro (maior do que 6 milímetros) e evolução (mudança em cor, tamanho, espessura, bordas de pintas antigas).

Tratamento e prevenção

O câncer de pele tem alta taxa de cura, mas o diagnóstico precoce é essencial para alcançar esse resultado. Quanto antes ele for descoberto, menor a cicatriz deixada pela cirurgia, menos invasivos os procedimentos e menos agressivo o tratamento, que pode incluir desde o uso de cremes até o uso de quimioterapia e imunoterapia.

“O tratamento principal é a cirurgia, a remoção da lesão. O tratamento oncológico, que vai envolver quimioterapia e imunoterapia, só é feito em casos que a doença está mais avançada. Mesmo assim, em alguns tumores, nós já temos resultados surpreendentes, que não conseguíamos anteriormente”, o coordenador médico do Centro Integrado de Oncologia do Hospital Mãe de Deus (CIO), Dr. Alan Azambuja.

A prevenção é sempre a melhor estratégia. Por isso, fique atento às principais dicas para evitar o câncer de pele:

# Evitar a exposição solar entre 10h e 16h.

# Aplicar protetores solares diariamente, a partir dos seis meses de idade, mesmo em dias nublados.

# O protetor deve ter um Fator de Proteção Solar igual ou superior a 30 e deve proteger contra a radiação UVA. Os lábios devem ser protegidos com protetores solares específicos para esta região.

# Mesmo protetores que são resistentes à água devem ser reaplicados a cada mergulho ou transpiração intensa.

# Usar, além do protetor solar, chapéus de abas largas, bonés, óculos com proteção UV, roupas, sombrinhas e preferir sombras à exposição direta ao sol.

Clínica Integrada de Oncodermatologia

Para oferecer um atendimento especializado nessa área, o Hospital Mãe de Deus conta com a Ambulatório de Clinica Integrada de Oncodermatologia. Ela disponibiliza uma assistência ágil e especializada, permitindo que o paciente saia com o diagnóstico e o tratamento todo planejado em apenas um turno.

“Na consulta, você será examinado por um dermatologista e por um cirurgião oncológico. Eles irão analisar toda a sua pele e as condutas serão decididas em conjunto . Caso seja observada alguma lesão suspeita, você já sai com o procedimento marcado, o que agiliza o diagnóstico e o tratamento, explica a Dermatologista do Corpo Clínico do HMD, Dra. Sabrina de Stefani.

Além disso, o Centro Integrado de Oncologia conta com o Tumor Board da Oncologia Cutânea, onde, semanalmente, cada caso é discutido por toda a equipe, em uma reunião multidisciplinar. “Oferecemos um olhar individual para cada caso. Isso traz mais segurança para o paciente, que receberá a melhor alternativa para seu caso, sendo avaliado por diversos profissionais”, ressalta a cirurgiã do Corpo Clínico do HMD Dra. Carla Bochi.

Emergência

24 HORAS

Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
TRAUMATOLOGIA
Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
*Unidade Av. José de Alencar, 286.

PARA VOCÊ

CENTRAL DE ATENDIMENTO

TELEMEDICINA, AGENDAMENTOS, CONSULTAS E EXAMES​

Sala de imprensa

Fabíola Bach – Assessoria de Imprensa
Celular: (51) 99952-1462
fabiolaback29@gmail.com

TODAS AS NOTÍCIAS:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Mais notícias

Emergência Cardioneurológica do Hospital Mãe de Deus completa um ano

Quando tempo é vida, contar com um fluxo de atendimento exclusivo, agilizando processos, pode fazer a diferença nos resultados alcançados. Com este objetivo o Hospital Mãe de Deus criou sua Emergência Cardioneurológica, em julho de 2021. Em seu primeiro ano, ela atendeu mais de seis mil pacientes, oferecendo uma estrutura completa para a assistência veloz das doenças cerebrovasculares, com equipe multidisciplinar capacitada, protocolos especializados e tecnologia de ponta.

Mãe de Deus realiza recanalização da veia porta com procedimento minimamente invasivo

A veia porta é responsável por levar entre 70% e 80% do sangue que chega ao fígado, trazendo os nutrientes que são absorvidos para metabolização no órgão. Por isso, qualquer interrupção no local traz grandes impactos para o organismo, podendo ser fatal. Em muitos casos, os tratamentos paliativos são os mais utilizados, por desconhecimento de uma técnica minimamente invasiva chamada recanalização da veia porta. O Hospital Mãe de Deus oferece esta alternativa capaz de solucionar este problema através do reestabelecimento do fluxo no local.