Unidade de Internação Alfa é totalmente reformada

Ao todo, foram 4.856,47 m² de área revitalizada, com 113 leitos

A semana que passou marcou o fim de uma importante obra promovida pelo Hospital Mãe de Deus em suas instalações. Na sexta-feira (18/12), foi entregue a Unidade de Internação do 7° andar Alfa – a última etapa da reforma iniciada em maio, em toda a unidade. Ao todo, foram 4.856,47 m² de área revitalizada, com 113 leitos.

Conforme o coordenador das Unidades de Internação, Rafael Borges dos Santos, a entrega desta última etapa chega para coroar um esforço conjunto com diversas áreas do Hospital, visando principalmente uma melhora na distribuição e assistência aos pacientes.

“É um momento maravilhoso. Com a reforma, entregamos uma estrutura de mais qualidade e mais conforto aos nossos pacientes. Ao mesmo tempo, entregamos para as nossas equipes um ambiente diferenciado e moderno que, sem dúvida, reflete no clima de trabalho”, ressalta o coordenador.

Além da melhoria física, a reforma permitirá que o Hospital promova uma melhor “regionalização” dos pacientes centrada em suas patologias. Assim, o HMD consegue aliar a qualidade de atendimento à melhora na distribuição das especialidades médicas e das equipes multidisciplinares.

A especialidade Traumato Cirúrgica ficará disposta no 5º andar. O 6º andar será o local da Oncologia. O foco clínico será responsabilidade do 7º andar. Já no 8º e no 9º andar, ficam a Cardiologia e Neurologia, respectivamente.

Conforme o diretor médico do HMD, Dr. Fernando S. Waldemar, a regionalização dos pacientes com quadro clinico semelhante aproxima ainda mais o médico da equipe multidisciplinar, aumentando o tempo disponível para que o assistente possa detalhar o plano de cuidado aos demais membros da equipe assistencial. “Ganharemos qualidade e temos a expectativa que todo o processo assistencial aconteça dentro do tempo adequado, aprimorando ainda mais nossa eficiência”, completa.

Além da substituição do piso, forro, metais e louças, a obra incluiu a reforma completa do banheiro de todos os apartamentos, e também a revisão das instalações elétricas e hidrossanitárias.

Para o coordenador de Obras do HMD, Edison da Silveira, a pandemia trouxe diversas dificuldades de execução ao projeto, mas as equipes sempre mantiveram um sentimento coletivo de que estavam “fazendo um grande trabalho para a sociedade”.

O mesmo ponto é reforçado pelo gerente de Infraestrutura e Projetos da Associação Educadora São Carlos (AESC), Jean Rosales: “Hoje, com a obra concluída, especialmente quando comparamos o antes e o depois, há um sentimento de dever cumprido, e de que cada um contribuiu para uma melhoria significativa na infraestrutura instituição”.

Equipe que coordenou a obra: José Mendes, Jean Rosales e Edison da Silveira (da esquerda para a direita)

Quem utilizar os serviços da unidade Alfa perceberá uma peculiaridade nos corredores: painéis de diversos pontos turísticos do Rio Grande do Sul. Estas imagens integram o projeto de sinalização visual, desenvolvido pela Comunicação Corporativa da AESC, com referências do design biofílico. A ação foi realizada em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo do Estado (Sedetur), que disponibilizou as imagens à Instituição. A iniciativa permite uma experiência única, não somente aos pacientes, mas também às equipes médicas e assistenciais.

Corredores ganharam diversas fotos com pontos turísticos do Estado
Imagens marcam parceria entre o Hospital e a Sedetur
Além de entreter pacientes, figura auxilia na energia passada aos colaboradores
Emergência

24 HORAS

Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
TRAUMATOLOGIA
Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
*Unidade Av. José de Alencar, 286.

PARA VOCÊ

CENTRAL DE ATENDIMENTO

TELEMEDICINA, AGENDAMENTOS, CONSULTAS E EXAMES​

Sala de imprensa

Fabíola Bach – Assessoria de Imprensa
Celular: (51) 99952-1462
fabiolaback29@gmail.com

TODAS AS NOTÍCIAS:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Mais notícias

Emergência Cardioneurológica do Hospital Mãe de Deus completa um ano

Quando tempo é vida, contar com um fluxo de atendimento exclusivo, agilizando processos, pode fazer a diferença nos resultados alcançados. Com este objetivo o Hospital Mãe de Deus criou sua Emergência Cardioneurológica, em julho de 2021. Em seu primeiro ano, ela atendeu mais de seis mil pacientes, oferecendo uma estrutura completa para a assistência veloz das doenças cerebrovasculares, com equipe multidisciplinar capacitada, protocolos especializados e tecnologia de ponta.

Mãe de Deus realiza recanalização da veia porta com procedimento minimamente invasivo

A veia porta é responsável por levar entre 70% e 80% do sangue que chega ao fígado, trazendo os nutrientes que são absorvidos para metabolização no órgão. Por isso, qualquer interrupção no local traz grandes impactos para o organismo, podendo ser fatal. Em muitos casos, os tratamentos paliativos são os mais utilizados, por desconhecimento de uma técnica minimamente invasiva chamada recanalização da veia porta. O Hospital Mãe de Deus oferece esta alternativa capaz de solucionar este problema através do reestabelecimento do fluxo no local.