ATENÇÃO AOS SINTOMAS DE DOENÇAS CARDIOVASCULARES EM MEIO A PANDEMIA

Espaço da Triagem Cardiológica Avançada do HMD

Muito se fala sobre o aumento de leitos para Covid-19 nos hospitais. Mas com base em números das últimas semanas, um outro perfil de paciente vem ocupando os leitos do CTI no Hospital Mãe de Deus, em Porto Alegre. Na última semana, cerca de 11% dos pacientes internados no CTI do Hospital foram em decorrência de doenças cardiovasculares, como infarto e Acidente Vascular Cerebral (AVC). Segundo Dr. Fernando Sefrin, gestor da Emergência e Ambulatório do HMD, “pela experiência clínica, observamos que parte dos casos que chegam na Emergência são reflexo de pessoas que procuram o atendimento médico tardiamente”. Parte das justificativas concentram-se pelo receio de buscar atendimento em hospital e serem contaminados pela Covid-19.

A ausência de cuidados prévios, além de prejudicial para os pacientes, contribui para a alta ocupação de leitos de CTI, um tangível importante neste momento de pandemia para a população. Dr. Sefrin chama atenção sobre a importância das pessoas estarem atentas a sua própria saúde: “a manutenção do acompanhamento médico, no caso de doentes crônicos, e a busca por atendimento especializado quando houver sintomas de que algo está errado, são a melhor forma da população contribuir para o sistema hospitalar”.

Formas de acesso ao médico em tempos de pandemia

Dr. Sefrin reforça que uma das alternativas de consulta é por meio da Telemedicina. “O atendimento virtual possibilita a realização de uma triagem para identificar se o paciente pode seguir em casa ou se necessita de um cuidado presencial. Chegando nesta conclusão, o Mãe de Deus possui áreas de atendimento separadas para os cuidados com pacientes de sintomas gripais, desde o início,  passando pelo Centro de Diagnóstico de Imagem, unidades de internação e CTIs”.

Atenção aos sintomas de Infarto e AVCs

O Hospital Mãe de Deus é referência no serviço de Emergência Cardiológica à disposição 24 horas, resultado de seus protocolos assistenciais que possibilitam atender num curto espaço de tempo casos graves de infartos e AVCs. Apesar desta segurança, o cardiologista do Hospital Dr. Raphael Percegona reforça a importância dos pacientes buscarem atendimento o identificarem sintomas como dor no peito, opressão no peito, queimação que se espalha pelos membros superiores e/ou até mesmo na região da mandíbula.

Confira a mensagem do cardiologista do Hospital, Dr. Percegona:

Emergência

24 HORAS

Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
TRAUMATOLOGIA
Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
*Unidade Av. José de Alencar, 286.

PARA VOCÊ

CENTRAL DE ATENDIMENTO

TELEMEDICINA, AGENDAMENTOS, CONSULTAS E EXAMES​

Sala de imprensa

Silvana Porto Alegre Schmidt
Fone: (51) 3213-8852
Celular: (51) 99992-4514
silvana.schmidt@aesc.org.br

TODAS AS NOTÍCIAS:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Mais notícias

SAE: uma nova era para a enfermagem

Com o objetivo de padronizar todos os processos de cuidado que envolvam a assistência de Enfermagem o SAE permite visualizar, de maneira digital, o histórico da jornada do paciente dentro da instituição, desde a coleta de dados a avaliação, permitindo acompanhar a evolução do cuidado que está sendo prestado.