Alteração do quadril e ossos de jovens atletas identificada por ressonância é tema de artigo científico


A utilização da ressonância para identificação precoce de lesões em atletas profissionais e amadores de alto nível tem sido adotada pelo coordenador da Radiologia do Centro de Diagnóstico e Imagem (CDI) do Hospital Mãe de Deus, Dr. Marcelo Abreu. Esta iniciativa já resultou em trabalhos científicos sobre achados precoces de impacto no quadril em 60 atletas de futebol amador em treinamento nos clubes de futebol profissional da Capital na faixa etária entre 12 a 18 anos. “Através das imagens de ressonância magnética conseguimos mapear alterações muito precoces dos ossos do quadril e cartilagem, que podem levar à artrose de quadril”, explica.

O trabalho serviu de base para pesquisa e tema de mestrado do Dr. Anthony Kerbes Yépez, ortopedista em quadril do Hospital Mãe de Deus, divulgada recentemente na Revista Brasileira de Ortopedia, a mais respeitada publicação da área no País e editada pela Sociedade Brasileira de Ortopedia. Coordenado pelo dr. Roberto Galia, da UFRGS, o trabalho científico utilizou as imagens feitas pelo Dr. Marcelo Abreu. “A aplicação de exames mais rápidos e resolutivos nos pacientes favorece a detecção precoce de lesões do sistema musculoesquelético, prevenindo sua evolução para afecções mais graves como artrose”, afirma Dr. Abreu.

Na época, os atletas que foram identificados com lesões foram submetidos à modificação do treinamento e preparação física para prevenção de lesões.

Emergência

24 HORAS

Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
TRAUMATOLOGIA
Tempo médio para atendimento
*Tempo para atendimento médico após abertura do boletim.
*Unidade Av. José de Alencar, 286.

PARA VOCÊ

CENTRAL DE ATENDIMENTO

TELEMEDICINA, AGENDAMENTOS, CONSULTAS E EXAMES​

Sala de imprensa

Fabíola Bach – Assessoria de Imprensa
Celular: (51) 99952-1462
fabiolaback29@gmail.com

TODAS AS NOTÍCIAS:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Mais notícias

Emergência Cardioneurológica do Hospital Mãe de Deus completa um ano

Quando tempo é vida, contar com um fluxo de atendimento exclusivo, agilizando processos, pode fazer a diferença nos resultados alcançados. Com este objetivo o Hospital Mãe de Deus criou sua Emergência Cardioneurológica, em julho de 2021. Em seu primeiro ano, ela atendeu mais de seis mil pacientes, oferecendo uma estrutura completa para a assistência veloz das doenças cerebrovasculares, com equipe multidisciplinar capacitada, protocolos especializados e tecnologia de ponta.

Mãe de Deus realiza recanalização da veia porta com procedimento minimamente invasivo

A veia porta é responsável por levar entre 70% e 80% do sangue que chega ao fígado, trazendo os nutrientes que são absorvidos para metabolização no órgão. Por isso, qualquer interrupção no local traz grandes impactos para o organismo, podendo ser fatal. Em muitos casos, os tratamentos paliativos são os mais utilizados, por desconhecimento de uma técnica minimamente invasiva chamada recanalização da veia porta. O Hospital Mãe de Deus oferece esta alternativa capaz de solucionar este problema através do reestabelecimento do fluxo no local.